Crimes bárbaros deixam região de fronteira em alerta

Compartilhe

Vários crimes brutais vêm ocorrendo na região de fronteira nos últimos dias. Roubos, assassinatos e toda espécie de barbárie vem deixando a região de fronteira em alerta. Mesmo com tantas operações policiais e, até mesmo operação do exército, os criminosos não dão trégua.

Na tarde da última terça feira (03/10), dois homens, moradores da cidade de Porto Esperidião, foram encontrados carbonizados dentro de um veículo. De acordo com o boletim de ocorrência, registrado pelo pai de uma das vítimas, seu filho, Jean Fernando Escola teria saído na segunda feira dia 02 para efetuar o pagamento de um gado e não teria voltado.

Após busca pela região o veículo da vítima, uma picape Fiat Strada foi encontrado com os corpos de Jean e de seu amigo João Garcia de 36 anos, carbonizados.

Os corpos foram levados para o IML de Cáceres e a Polícia passou a investigar o crime.

OUTRO CRIME

Um outro crime ocorreu na cidade de Cáceres. Um homem foi encontrado morto com um tiro na nuca. O corpo foi encontrado por um fazendeiro em uma área rural cerca de 25 km de Cáceres. O homem não havia sido identificado até o fechamento da reportagem.

Um veículo fiat strada carbonizado foi encontrado pelos policiais na mesma região.

CRIME BÁBARO

Um casal foi brutalmente assassinado e uma criança de apenas 3 anos, que seria filho do casal, foi encontrada com vida nesta quarta-feira na MT 343, que liga Cáceres a Barra do Bugre, próximo a uma ponte, no distrito de Cachoeirinha próximo à Vila Aparecida.

A mulher foi alvejada ainda dentro do veículo e a criança estava em seu colo. Segundo informações do Fronteira Alerta as vítimas são: Marlon Felipe (34) e Ana Lima (29). A criança de 3 anos que estava no colo da mãe teria sido alvejada por fragmentos de chumbo, mas foi hospitalizada e passa bem.

Policiais de Cáceres se deslocaram para o local, mas devido a região fazer parte do município de Porto Estrela as investigações do crime serão conduzidas pela polícia daquela cidade e de Porto Esperidião.

As informações é do site FRONTEIRA ALERTA. 

Polícia Imprimir